Investir em imóveis: casa ou apartamento:
Voltar para o blog

Investir em imóveis: casa ou apartamento:


Escolher o imóvel
para chamar de seu ou até mesmo investir para rendas futuras merece muita atenção e cuidado nessa hora. Para além de suas necessidades pessoais ou familiares, essa escolha deve caber no seu bolso e atender à suas expectativas financeiras. 

Por isso, separamos algumas vantagens e desvantagens de cada tipo de imóvel, de acordo com o seu momento, sua vida pessoal e seu orçamento disponível!


  • Casa
    As vantagens de morar em casas são inúmeras, como espaço extra: para famílias com filhos e/ou animais de estimação, ter uma casa com quintal permite que eles brinquem ao ar livre sem a necessidade de ir a parques ou praças públicas; você define as prioridades: não há necessidade de chegar a um consenso coletivo, por meio de votação em assembleia conduzida por um síndico, sobre em quais melhorias investir, pois as decisões cabem, exclusivamente, à própria família; não há taxa condominial: com exceção de casas situadas em condomínios horizontais fechados, casas em vias abertas não têm que pagar taxa condominial.

Do ponto de vista financeiro, a manutenção de uma casa pode ser cara, como é indispensável para a conservação e uso do imóvel, essa despesa é inevitável. Sistemas de segurança, água, reparos e melhorias na estrutura, serão unicamente sua responsabilidade. 


  • Apartamento

Morar em apartamento, primeiramente, demanda estar disposto a viver sob as regras do condomínio. Porém, a segurança é maior, a portaria assegura o controle de quem entra e sai do prédio, bem como evita que vendedores e outros desconhecidos o incomodem no dia a dia. 

Além disso, a praticidade é muito mais fácil cuidar de um apartamento do que de uma casa, visto que basta limpar os cômodos internos — já que as áreas externas contam com prestadores de serviço. Vale ressaltar que, devido à distância da rua, até mesmo a poeira trazida pelo vento é menor; facilidade: grandes empreendimentos imobiliários atraem uma ampla rede de comércios e serviços para o seu entorno, evitando a necessidade de se deslocar pela cidade para dar conta das demandas diárias. 

Para quem mora sozinho ou viaja muito, apartamentos são a opção mais segura! O custo de morar em um apartamento é menor do que uma casa devido às despesas que ficam inclusas no condomínio, como manutenção, água. 


Avalie seu custo-benefício de acordo com as suas necessidades para o momento, sempre de acordo com seu planejamento à longo prazo, entre 5 e 10 anos. E conte com a ajuda de uma imobiliária especializada!

Outros posts

  1. Alugue com tranquilidade: 5 dicas para você escolher o apartamento ideal

    Alugue com tranquilidade: 5 dicas para você escolher o apartamento ideal

    Se você está mudando de cidade para estudar ou trabalhar, sabe que sempre surge aquela dúvida profunda do que considerar ao escolher um apartamento para morar. Se você já conhece a cidade ou já foi vi...

  2. Aluguel: condições legais e aumento do valor

    Aluguel: condições legais e aumento do valor

    O conceito legítimo de aluguel é uma contraprestação paga pelo locatário ao locador em virtude da utilização do imóvel por determinado período de tempo, complicado, né? Por isso viemos explicar alguma...

  3. Como fazer sua mudança sem dor de cabeça

    Como fazer sua mudança sem dor de cabeça

    Realizar uma mudança de residência não precisa ser algo cansativo e estressante. Muito pelo contrário, mudanças significam um num novo momento, seja pra quem for morar sozinho ou acompanhado. Mas acim...

Este site utiliza cookies para entregar uma melhor experiência durante a navegação.